Outra Economia Acontece

Loading...

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

JORNADA MUNDIAL PELO TRABALHO DECENTE - 07 DE OUTUBRO

7 de Outubro: Jornada Mundial pelo Trabalho Decente

Trabalhadoras e Trabalhadores do mundo exigem medidas contra a precariedade no trabalho. Nas Américas, se esperam atividades simultâneas em mais de 15 países.

SÃO PAULO (24 Setembro 2009) – O continente americano se mobiliza no próximo dia 7 de Outubro para exigir dos governos da região políticas de promoção do trabalho decente. As centrais sindicais afiliadas a Confederação Sindical dos Trabalhadores(as) das Américas (CSA) vão realizar atividades na Jornada Mundial pelo Trabalho Decente promovida pela Confederação Sindical Internacional (CSI).

No mundo, as atividades do 7 de Outubro alcança mais de 130 países que pretendem repetir a organização em massa do ano passado. Em 2008, 216 organizações sindicais nacionais realizaram mais de 600 atividades para a Jornada Mundial pelo Trabalho Decente. Milhares de pessoas participaram em concentrações, reuniões nos lugares de trabalho e eventos especiais ao longo do dia.

Neste ano, se espera que as maiores mobilizações sejam realizadas nas Américas. “A maior parte das afiliadas da CSA promoverão atividades dentro do mesmo tema, ou seja, a resposta à crise depende do respeito aos direitos fundamentais do trabalho e uma reforma profunda da economia global”, declarou o secretario geral da CSA, Víctor Báez Mosqueira.

As centrais sindicais da Argentina, Colômbia, Perú, Brasil, México, Chile, Venezuela, Equador, Panamá, El Salvador, Nicarágua, República Dominicana, Guatemala, Paraguai e Canadá anunciaram atividades para exigir dos governos da região políticas de trabalho decente. Os eventos na região podem ser acompanhados no site da Jornada nas Américas (www.csa-csi.org/trabajodecente). No dia 7 de Outubro, uma radio web no site da CSA transmitirá notícias ao vivo em cada país.

No Brasil, as centrais sindicais (CUT, UGT e Força Sindical) preparam a Sexta Marcha dos Trabalhadores em Brasília. A estimativa é reunir pelo menos 30 mil trabalhadores das principais localidades do país na capital federal para reivindicar seus direitos.

As mobilizações em toda a região terão seu epicentro em Buenos Aires onde será realizada a XVI Conferencia Interamericana de Ministros de Trabalho (CIMT – OEA). A CSA, juntamente com suas afiliadas CGT e CTA, anunciaram um ato público para exigir medidas contra o trabalho precário aos representantes ministeriais reunidos na capital argentina.



Para mais informações, Assessoria de Comunicação da CSA: +55 11 2104 0771 / CSI: +32 2 224 0204 o +32 476 621 018.

Sobre a CSA: A Confederação Sindical de Trabalhadores (as) das Américas (www.csa-csi.org) é a organização sindical mais importante do continente americano. Fundada em 27 de março de 2008, na Cidade do Panamá, estão afiliadas à confederação 66 organizações nacionais em 29 países, representando mais de 50 milhões de trabalhadores(as). A CSA é a organização regional da Confederação Sindical Internacional (CSI).

Sobre a Jornada Mundial pelo Trabalho Decente: O tema desse ano gira em torno da crise econômica e o fato de que a maior parte do mundo ainda está vivendo perdas importantes de postos de trabalho. Acompanhe as atividades do mundo em www.wddw.org

Nenhum comentário: