Outra Economia Acontece

Loading...

terça-feira, 28 de julho de 2009

CAMPANHA SOLIDÁRIA - FEIRA DE SANTA MARIA


“MUITA GENTE PEQUENA, EM MUITOS LUGARES PEQUENOS, FAZENDO COISAS PEQUENAS, MUDARÃO A FACE DA TERRA” (Provérbio Africano)

CAMPANHA SOLIDÁRIA - A SUA PARTICIPAÇÃO FAZ A DIFERENÇA


A Economia Solidária, é muito mais do que se vende e do que se vê. É um fio condutor que tem na sua base a Organização, a Mística, a Consciência e a Solidariedade. É a experiência da Solidariedade Globalizada e do BEM COMUM, que hoje perpassa o Fórum Brasileiro de Economia Solidária, os Fóruns Regionais e as Redes de Economia Solidária da América Latina e de outros Continentes. São experiências Proféticas, Autogestionárias e Transformadoras, na construção de um Modelo de Desenvolvimento Solidário Sustentável, contrapondo ao modelo capitalista e excludente.

Todos acompanharam os fatos de Santa Maria-RS, de 01 a 15 de julho de 2009, quando arbitrariamente foram cancelados os Eventos da Economia Solidária e do Cooperativismo, uma história de 16 anos. A nossa maior indignação foi que o Promotor de Defesa Comunitária, Dr. João Marcos Adede Y Castro, a Juíza de Direito de Plantão, Eloísa Helena Hernandez de Hernandez, com um grupo de pessoas dos Setores de Saúde de Santa Maria, fizeram isso de portas fechadas, sem nenhum direito de defesa ou explicação das 60 Comissões organizadoras, do Evento de 2009, que tem na sua base as Organizações, Entidades e Empreendimentos de Economia Solidária, as Redes de Economia Solidária do Brasil, da América Latina e dos outros Continentes.

Com uma decisão responsável, no dia 02 de julho de 2009 decidimos cancelar os Eventos Internacionais e manter apenas os Eventos Nacionais, pelo avanço da Gripe Influenza A (H1 N1).

No dia 22 de julho de 2009, na SENAES/MTE houve uma importante reunião em Brasília – DF, com os parceiros Nacionais: FBES(Fórum Brasileiro Economia Solidária), IMS (Instituto Marista Solidariedade) , SENAES (Secretaria Nacional de Economia Solidária do MTE), Cáritas Brasileira, CECAP/Consultoria e o Projeto Esperança/ Cooesperança da Diocese de Santa Maria. Após longa reflexão, avaliação e os encaminhamentos finais, foi decidido para a abertura de uma conta Bancária, para uma CAMPANHA SOLIDÁRIA, a fim de arrecadar de recursos para o pagamento das dívidas dos Eventos cancelados, por Ordem Judicial em julho de 2009.

Convidamos à todas as Entidades parceiras, apoiadores, Empreendimentos Solidários e pessoas comprometidas que queiram contribuir com este grande Mutirão, afim de que possamos pagar as contas e tocar a luta em frente, para o fortalecimento da Economia Solidária do Brasil e do mundo.

Conta para contribuição na Campanha Solidária:
COOESPERANÇA
Banco do Brasil
C/C 30.565 – 0
Agência nº 0126-0 - Centro
Santa Maria - RS - Brasil

Tínhamos aprovados vários projetos de Patrocínio por parceiros e patrocinadores históricos da Economia Solidária. Ao cancelar todos os Eventos, nenhuma Entidade patrocinadora e apoiadora, poderá repassar os recursos, isto é, todos os projetos aprovados, foram cancelados pela não realização dos Eventos.

Quem vai pagar as contas? Ficar devendo, não é o estilo da Economia Solidária. O relatório final está sendo elaborado detalhadamente.

Diante do acima exposto, o grupo de Santa Maria tem as contas para pagar. Quando termina uma Feira, a organização do ano seguinte já inicia.

Portanto, há um ano a Feira de Santa Maria já vinha sendo preparada. Por isso, muitas despesas já haviam sendo feitas, pois faltava apenas um dia e meio quando foi cancelada.


Para Contatos:


Rua Silva Jardim, 1704 – CEP. 97010-490 - Santa Maria – RS Fone/Fax: 55 3219 4599 / 55 3222 8275

Sendo o que tínhamos no momento, enviamos fraternas saudações e antecipados agradecimentos pelo apoio , consideração e a Solidariedade em Rede Nacional e Internacional.


Atenciosamente, Comissão Organizadora dos Eventos

Nenhum comentário: